Gerdau eleva em 12% em preços de aços longos no Brasil a partir de 1º de junho

A Gerdau anunciou aumento de 12 por cento nos preços de aços longos no Brasil a partir de 1º de junho, afirmou nesta quinta-feira o analista Carlos Eduardo Schmidt, do Itaú BBA, em nota a clientes.

– Segundo o analista, a Gerdau anunciou o reajuste aos clientes em um momento de forte queda do real ante o dólar, que "exacerbou a diferença nos preços de aços longos no Brasil em relação aos níveis exibidos por material importado".

– "De acordo com nossos cálculos, os vergalhões no mercado doméstico estão precificados atualmente com desconto de 10 por cento sobre produtos importados, ante um prêmio histórico de 10 por cento", afirmou o analista.

– O analista espera que outros produtores de aço longo no Brasil sigam o exemplo da Gerdau e anunciem aumentos de preços em mesma magnitude para as entregas a partir de junho. "Apesar da fraca demanda no Brasil, vemos espaço para as siderúrgicas subirem preços no Brasil (de aços planos e longos)", disse o Schmidt, citando a desvalorização do real e os preços saudáveis para a liga no mercado externo.

– Em aços planos, a CSN anunciou na terça-feira que vai elevar seus preços no Brasil em 7,5 a 10 por cento a partir de junho, movimento que segundo o analista foi acompanhado pela ArcelorMittal .

Fonte: Último Instante 
Seção: Siderurgia 
Publicação: 18/05/2018